O Fascismo é de Direita ou de Esquerda?

Anúncios

Um comentário sobre “O Fascismo é de Direita ou de Esquerda?

  1. Que vídeo estúpido. Aliás, não há nada a esperar a não ser estupidez vinda de um neocon. Gentile era de esquerda antes de se juntar ao fascismo, e mesmo antes dele se entregar ao fascismo, as brigadas fascistas da Itália viviam debochando dele. Isto está escrito no livro “Fascismo Revolucionário”. Em verdade, querer encaixar o fascismo no rótulo absurdo de direita-esquerda é burrice, coisa normal de se esperar dum esquerdista e de um direitista. O fascismo vai contra ambos.
    O fascismo rejeita o socialismo, mas há sínteses entre o socialismo não-marxista com o nacionalismo mais fascista. Quem crê que o socialismo é intrinsecamente marxista ou que é uma “ideologia” própria da Esquerda é porque não estudou o bastante sobre o assunto. O socialismo pode ser implementado sem jogar toda a base religiosa e o orgulho racial ou nacional fora, pois se trata apenas de um modo de produção, sem que você precise abraçar ideias da esquerda ou do próprio marxismo.

    Aliás, Hitler traiu o espírito verdadeiro do nacional-socialismo implementando políticas burguesas* e capitalistas. O nacional-socialismo alemão é bem diferente do que Hitler propôs para a Alemanha. Querer apelar pra essa besteira de que tudo que tem Estado forte de esquerda é típico daquela escolinha de economia que não é levada a sério em nenhum país a não ser no BOSTIL.

    Ah, o socialismo nem ao menos é o controle de todas as coisas na mão do Estado, como o é no regime fascista.
    Faltou este carinha aí ler a Doutrina do Fascismo. Além de que há também todo um culto à guerra e ao futurismo na filosofia fascista. Coisa que não tem lugar na esquerda.

    Não adianta os “conservadores” lamba bolas do capital internacional nem a esquerda anti-nacional e anti-tradição tentar calar o fascismo e jogá-lo no mais fundo buraco da inutilidade. O fascismo está renascendo, de cara nova, com ideias melhores e ganhando a atenção do povo. O próprio movimento social CasaPound, da Itália, junto com os nacionalistas e terceiro posicionistas poloneses estão aí para provar. 😉

    * Quem crê que só a esquerda internacionalista usa o termo “burguês” está de todo errado. O tradicionalista Julius Evola, e todos os verdadeiros nacionalistas, tais como os falangistas espanhóis e poloneses, os strasseristas (o qual são seguidores do verdadeiro nacional-socialismo alemão), os carlistas, os sinarquistas e os integralistas usaram e abusaram deste termo.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s